4 de out de 2013

A origem da Graça


     Só o Sangue do Cordeiro de Deus purifica o homem do pecado e a nossa salvação é pela Graça (FAVOR IMERECIDO), por meio da fé... Jesus é o único Caminho da/para salvação.... Nosso nome está escrito no livro da vida desde a fundação do mundo, portanto, o Cordeiro de Deus foi imolado "antes" de tudo existir, na eternidade. Sendo assim, não faz sentido a dicotomia Lei x Graça, pois (além de eu discordar desse conceito raso de "lei" que predomina no mio cristão) na Lei de Deus (e na lei de Moisés) também há/havia Graça. A Criação foi o que, senão uma imensa manifestação da Graça? Em outras palavras, antes de haver qualquer coisa, houve a Cruz, que trouxe a Graça. Sequer existia tempo, matéria ou energia, mas havia Cruz, que é algo incabível em nossa compreensão. 
     A crucificação, há pouco mais de 2 mil anos, foi a manifestação histórica (no tempo e no espaço) dessa Cruz eterna, do Cordeiro imolado (Jesus) na eternidade. Esse é o motivo da salvação de todas as pessoas que vieram antes de "Jesus Cristo homem" terem sido pelo sangue dEle, que na história nem havia sido derramado ainda, mas já existia na eternidade, sendo Ele o purificador do pecado. Sim, não era o sangue animal que purificava e sim, o sangue do verdadeiro Cordeiro (Jesus). Nós é que queremos colocar Deus dentro de nossas teologias e doutrinas, presas ao tempo e ao espaço. Mas Deus não se explica; se crê! Se não for assim, não há fé. Por isso o Evangelho é loucura. Se for algo  totalmente explicável não é Evangelho e sim, apenas a nossa compreensão limitada sobre ele. 
     Portanto, a origem da Graça é Cristo, mas não o histórico e sim, o Soberano, o Eterno, que existe desde "antes" da fundação do mundo. E foi por Ele e para Ele que tudo entrou na "dimensão" da existência. 

Autor: Wésley de Sousa Câmara
(Atualizado em 25/09/2014)

O que achou?