8 de jul de 2014

Todo mundo tem uma teologia


     Todo mundo estuda teologia. Pelos menos todos os que leem as escrituras e que refletem sobre ela, estudam de forma direta e explícita uma teologia. Afinal, se está pensando, produzindo dúvidas e formulando possíveis respostas, você é um teólogo, tem a sua teologia, que pode ser idêntica ou parecida com alguma teologia que alguém já tenha produzido ao longo da história ou não (o que é difícil). E mesmo que haja alguma exclusividade em sua visão, será uma teologia, mesmo não sendo uma "oficial".
     Não acho necessária a "demonização teológica" que muitos criam, pois a teologia realmente é inútil no que diz respeito à nossa relação com Deus (isso depende exclusivamente dEle), mas pode ser muito útil na compreensão e no aperfeiçoamento de nossa relação com o próximo e com a vida.
     Portanto, não precisa estar em uma escola ou seminário teológico para ser um adepto da teologia. Até mesmo aqueles que acreditam cegamente em tudo o que um líder religioso diz, seguem uma teologia: a desse líder.
     Não adianta. Não tem como fugir. Os argumentos para a negação da teologia já formam uma teologia. O que dizemos que é o "Evangelho genuíno de Jesus" é na verdade o nosso entendimento sobre o que seja esse evangelho genuíno, portanto, uma teologia. Apenas devemos ter o cuidado para não atribuir a ela um papel que ela jamais poderá assumir. Sempre será uma compreensão humana e relativa sobre algo divino e absoluto, que quase sempre transcende nossa capacidade de entendimento e de explicação. Cada coisa em seu devido lugar... E mais: Deus não segue a sua (nem a minha) teologia. Então, julgue menos as pessoas pelo que você pensa e ame mais. Se sua teologia não gera em você amor, não está nem perto da realidade divina. Disso pode ter certeza!

Autor: Wesley de Sousa Câmara

O que achou?