20 de nov de 2015

Você não crê no Deus da bíblia


     "Eu creio no Deus da bíblia".
     Não, você crê na sua interpretação e harmonização dentro de sua teologia das inúmeras percepções de Deus que estão descritas na bíblia. Os livros bíblicos foram escritos em um intervalo bem grande de tempo, por inúmeras tradições judaicas/cristãs, sendo que em diferentes períodos e entre diferentes pessoas havia diferentes percepções do divino.
     O que você faz é ler essa compilação de percepções (na bíblia) e formar teologicamente uma síntese, uma harmonização (geralmente forçada) dessa variedade toda e assim tem a sua compreensão de Deus. E é nesse Deus (resultado de muitas descrições humanas) que você crê.
     Conclusão? Deus não pode ser o que você crê que Ele seja, a menos que você acredite que aquilo que homens descrevem sobre Deus seja a descrição perfeita de Deus (Deus cabendo dentro da relatividade e limitação humana) e claro, que você tem a capacidade de sintetizar diferentes compreensões perfeitas de Deus (mesmo quando são divergentes entre si - pois é) em uma visão que reflita o próprio Deus.
     Se acredita nisso, permita-me fazer um diagnóstico, você é ingênuo e idólatra de si mesmo. E o nome disso não é fé; é narcisismo. 

Autor: Wésley de Sousa Câmara

O que achou?