10 de dez de 2015

Debate é perda de tempo


     Critico bastante, mas debater um assunto? Só debaterei com alguém quando as seis condições abaixo forem satisfeitas:

1 - Eu tiver tempo disponível pra isso.

2 - Eu tiver domínio sobre o tema, com várias novidades ou pontos a acrescentar ao diálogo.

3 - For um assunto que considero muito relevante.

4 - Envolver um debatedor de nível intelectual respeitável cujo ponto de vista ainda não considerei adequadamente (assim poderei aprender muito e crescer intelectualmente).

5 - Ver no debatedor um desejo sincero em entender e até aceitar meu ponto de vista caso eu o convença.

6 - Eu estar sinceramente aberto a mudar o que penso e acatar o posicionamento do debatedor ou pelo menos incrementar a minha visão com pontos de vista dele.

     Então alguém dirá: "Poxa, você quer demais. Dessa forma acho difícil você um dia debater algo com alguém". Pois é. Entendeu agora que conforme a gente vai caminhando e crescendo, cada vez menos a gente perde tempo com essas bobagens? Não vou tirar um tempo que nem tenho, que poderia aplicar aos estudos, à leitura, ao serviço a alguém que de mim precisa ou ao carinho à minha família e amigos para debater a fim de satisfazer o ego de alguns.
     Por isso insisto: publico na internet não no intuito de debater. Quero apenas postar algumas coisas simples que penso. Aceito discordâncias e questionamentos respeitosos e humildes. Respondo o que achar válido. Quem concorda comigo, ótimo; quem não concorda, sem problemas.
     Não conte comigo para essas bobagens de brigas, duelos e debates (que já fiz muito, infelizmente). Se achar que meu silêncio significa falta de argumentos, ok, é seu direito. É como a velha história do pombo jogando xadrez. Eu saio como perdedor, sem nenhum orgulho ferido. Não sou o dono da verdade, não quero fazer discípulos e não tenho a pretensão de convencer ninguém. Simples assim.

Autor: Wésley de Sousa Câmara
(10/12/2015)

O que achou?